Arquivo - Tag: gozo

N√£o d√° para esquecer o pior sexo das nossas vidas

Se voc√™ me perguntar qual foi a melhor transa da minha exist√™ncia, eu saberei pontuar com quem foi, em que √©poca da vida, descrevei algumas cenas, sensa√ß√Ķes, mas vai ser imposs√≠vel dizer com exatid√£o em qual data, onde estava, qual foi o ‚Äúscript‚ÄĚ… Porque foram v√°rias boas preliminares, gozadas e trocas que gostaria de ter(…)

A vi√ļva negra de Vars√≥via

“Est√°vamos viajando a trabalho quando nos conhecemos na Pol√īnia, cada um a servi√ßo de seu pa√≠s. Eu, do Brasil; ela, da Col√īmbia. Nossa comitiva era feita de representantes da Am√©rica Latina para uma reuni√£o sobre os rumos do Mercosul. Ela falava em perfeito portugu√™s, o que observamos enquanto ela nos questionava alguns pontos da nossa(…)

Mega-Sena do sexo

Est√°vamos aproveitando a happy hour da sexta-feira com cerveja e chips de batata doce, enquanto fal√°vamos sobre a Mega-Sena acumulada em mais de 100 milh√Ķes de reais, depois que ningu√©m acertou o sorteio dos 90 milh√Ķes. Ficamos ali fantasiando o que far√≠amos com aquele tanto de dinheiro. Viajar pelo mundo, comprar um im√≥vel pra cada(…)

Tes√£o parcelado em 12 vezes

Ele era um p√©-rapado quando nos conhecemos. A gente fazia cursinho pr√©-vestibular juntos, mas quem j√° tinha carro era eu. Meu tes√£o, no in√≠cio, era quase adolescente. Pra minha alegria, meus horm√īnios flu√≠am que era uma beleza. Era s√≥ ele encostar em mim que eu j√° ficava √ļmida. Mas com o tempo, busc√°-lo, lev√°-lo, pagar(…)

Avisa l√° que eu vou…

‚ÄúA maioria dos homens n√£o sabe quando a mulher goza, fato‚ÄĚ, diz minha amiga Tha√≠sa, no Gtalk. Ela namora h√° uma d√©cada: ‚ÄúSeu namorado n√£o percebe?‚ÄĚ, pergunto. ¬†‚ÄúAcho que ele saca algumas vezes, mas nem todas.‚ÄĚ O papo come√ßou porque eu me dei conta que sempre anuncio quando vou ter um orgasmo. N√£o importa se(…)

Três histórias de punhetas juvenis

Exibicionista ‚ÄúNamorava uma menina do meu trabalho e, sempre depois do expediente, a gente ia dar uns bejinhos num canto de uma esta√ß√£o de um¬†metr√ī de S√£o Paulo. L√°¬†tem at√© hoje¬†um jardim mais ou menos bem cuidado.¬†A gente ficou nessa por um¬†tempo, at√© perceber que uns caras ficavam batendo punheta pros casais que estavam namorando¬†na(…)

De princesa delicada a deusa gótica

Uma aula de desconstru√ß√£o de estere√≥tipos por uma garota corajosa e senhora¬†do seu pr√≥prio prazer. Mas sem sisudez, o texto √© del√≠cia. Aproveitem.     “Depois de quase morrer por um problema card√≠aco diagnosticado, por acaso, aos 27 anos, resolvi mudar totalmente de vida: aprendi a andar de bicicleta com um ‚Äúbike-anjo‚ÄĚ, n√£o adiei mais(…)