Arquivo - Tag: chupada

Ser liberal √© ser c√ļmplice

Cumplicidade √© uma palavra-chave em um relacionamento sexual. E se o casal curte¬†pr√°ticas mais¬† liberais, a cumplicidade pode e deve ser elevada ao quadrado. A etimologia do termo √© interessante, vem de “unido, junto” e tamb√©m de “complicado, enrolado, enroscado”.¬†N√£o √© assim o sexo? E n√£o podemos esquecer que tamb√©m √© usado nos tribunais, para(…)

O tes√£o tem raz√Ķes que a pr√≥pria raz√£o desconhece

Parece at√© discuss√£o pol√≠tica, de tantos coment√°rios acalorados que gerou. Ao publicar o ranking do tes√£o do Rafa, um adepto do cuckold – tara por ver sua mulher transando com outro – eu abri a caixa de pandora. O fetiche est√° entre¬†os mais comuns¬†do brasileiros e v√°rios vieram me contar suas experi√™ncias e, acima de(…)

Quando o sexo fica molhado pra valer

Fazer xixi quando estou muito, mas muito apertada, para mim, √© uma sensa√ß√£o org√°stica. Mas quando a vontade vem bem na hora do rala-e-rola? J√° aconteceu comigo, com voc√™ e com torcida do Corinthians, n√©?     Como fazer? Parar no meio? Se for s√≥ uma vontadinha, vamos l√°, d√° para aguentar, o tes√£o sobrep√Ķe.(…)

A vi√ļva negra de Vars√≥via

“Est√°vamos viajando a trabalho quando nos conhecemos na Pol√īnia, cada um a servi√ßo de seu pa√≠s. Eu, do Brasil; ela, da Col√īmbia. Nossa comitiva era feita de representantes da Am√©rica Latina para uma reuni√£o sobre os rumos do Mercosul. Ela falava em perfeito portugu√™s, o que observamos enquanto ela nos questionava alguns pontos da nossa(…)

Mega-Sena do sexo

Est√°vamos aproveitando a happy hour da sexta-feira com cerveja e chips de batata doce, enquanto fal√°vamos sobre a Mega-Sena acumulada em mais de 100 milh√Ķes de reais, depois que ningu√©m acertou o sorteio dos 90 milh√Ķes. Ficamos ali fantasiando o que far√≠amos com aquele tanto de dinheiro. Viajar pelo mundo, comprar um im√≥vel pra cada(…)

Tes√£o parcelado em 12 vezes

Ele era um p√©-rapado quando nos conhecemos. A gente fazia cursinho pr√©-vestibular juntos, mas quem j√° tinha carro era eu. Meu tes√£o, no in√≠cio, era quase adolescente. Pra minha alegria, meus horm√īnios flu√≠am que era uma beleza. Era s√≥ ele encostar em mim que eu j√° ficava √ļmida. Mas com o tempo, busc√°-lo, lev√°-lo, pagar(…)