Arquivo - Categoria: sexo

Tes√£o parcelado em 12 vezes

Ele era um p√©-rapado quando nos conhecemos. A gente fazia cursinho pr√©-vestibular juntos, mas quem j√° tinha carro era eu. Meu tes√£o, no in√≠cio, era quase adolescente. Pra minha alegria, meus horm√īnios flu√≠am que era uma beleza. Era s√≥ ele encostar em mim que eu j√° ficava √ļmida. Mas com o tempo, busc√°-lo, lev√°-lo, pagar(…)

Vaca, galinha e piranha

Esta semana, Michelle me contou um epis√≥dio aparentemente banal que aconteceu em um dos corredores do supermercado.     ‚Äď Galinha!, ela ouviu uma voz que parecia de crian√ßa ‚Äď e era! Passaram por ela um menininho que tinha acabado de chamar a irm√£ deste nome t√£o “vulgar”, a garota e o pai. A menina,(…)

Um jogo de palavras safadas para entrar no clima

Tenho reclamado com Michelle, minha companheira infal√≠vel para bate-papos safados semanais, de como as hist√≥rias de sexo contadas entre amigas andam chat√©rrimas. Nada muito novo, nada muito picante, parece que, afinal, a Depress√£o Brasileira contaminou nossas camas, nossas xanas, nossos pintos ¬≠‚Äď nossas fodas criativas, afinal. Foi ent√£o que resolvemos brincar de uma esp√©cie de(…)

Sonho erótico de uma noite de verão

“Esse texto po√©tico-er√≥tico eu fiz para a minha ex-namorada. Ele retrata uma maravilhosa noite que passamos”, come√ßava o e-mail do Luis. As frases curtas, diretas, em algumas ocasi√Ķes me deixavam na d√ļvida se era um di√°logo ou um mon√≥logo, um del√≠rio ou uma experi√™ncia. No final, √© pura excita√ß√£o. Presentinho caliente – num dia mais(…)

Pode ter nojinho no sexo?

Odores, sabores, texturas… Poucas coisas na vida mexem com todos os sentidos ao mesmo tempo e de forma t√£o intensa quanto o sexo (a comida, talvez?). Na cama, os cheiros, gostos, calores e calos desempenham papel determinante na atra√ß√£o e no prazer. Por outro lado, quando estou com algu√©m que gosto pra valer, n√£o ligo(…)