Arquivo - Categoria: sexo casual

A bagunçada, atrapalhada e nada romântica realidade das transas

Quando quero ver algo despretensioso na TV, para dar aquela relaxada depois de um dia estressante, assisto a “The Big Bang Theory” ou escolho meus episódios preferidos de “Friends” no Netflix. Mas, meu novo passatempo preferido antes de dormir (quando não tenho o Diego me encoxando, todo safado, pau em riste) é ler a seção(…)

A viúva negra de Varsóvia

“Estávamos viajando a trabalho quando nos conhecemos na Polônia, cada um a serviço de seu país. Eu, do Brasil; ela, da Colômbia. Nossa comitiva era feita de representantes da América Latina para uma reunião sobre os rumos do Mercosul. Ela falava em perfeito português, o que observamos enquanto ela nos questionava alguns pontos da nossa(…)

Quando tá foda, beijo, beijo, beijo

“Naquela semana, acordei com vontade de beijar. Beijar. Eu precisava beijar beijar beijar. Veja: eu precisava beijar na boca, beijar de língua, beijar sem língua, beijar seco, beijar molhado, beijar bitoca, beijar bocão, beijar miudinho, beijar escandaloso, beijar-morder, beijar-beliscar. Beijar tórax. Beijar mãos. Beijar rosto liso – porque barbão já enjoei. Beijar canto de boca.(…)

Faltou camisinha no bloco de rua

E como aqui a gente só quer saber de ziriguidum pelos próximos dias, mais uma história de samba (ou melhor, salsa), suor e tesão. Aproveitem! “Somos de Brasília e resolvemos curtir o carnaval de rua de São Paulo – eu, em busca de amores de verão heterossexuais; ele, em busca de mocinhos deliciosos. Era um(…)